Friday, 14 August 2015

Agosto 2015

Nos últimos tempos tenho escrito aqui com títulos como o mês em que vivo, engraçado, eu acho, pois começo por descrever a altura em que derramo minhas palavras e acredito que assim poderei regressar e revê las e relembrar.

Hoje ainda são 23:50 da noite quando início este meu pedaço de história, estou sentindo que o que nunca pensei sentir...
Tem sido um ano de vitórias, ultrapassando situações que nunca pensei sequer que iria as viver tão cedo e com isso claro sempre existem muitas mágoas , perdões , frustrações, entendimento, compaixão e amor. 

Vou falar.... Neste caso vou escrever...
Hoje, neste dia que pra você pode até ser somente um dia igual aos outros todos , para mim foi difícil, sem conseguir entender e entendo tudo e todos ao mesmo tempo.
Parece que o mundo me traiu, parece que eu sou um farrapo que não merece ser considerado. 
Acabei de viver mais um daqueles dias , dos mais difíceis da minha existência!

Estou tendo a oportunidade de não ter a disponibilidade e a falta de compreensão de quem eu nunca pensei, a minha família, quando falo família é aquela família que minha querida mãe sempre disse para eu cuidar , sangue do meu sangue. 
Tinha que acontecer comigo? Eu me questiono, será que não existiria mais tempo, mais respeito, mais amor, mais a tal família ?? 

Por vezes o ser humano não sabe o que faz, não pensa nas consequências nem sequer no que pode estar criando para ele mesmo, a perturbação, a tristeza, a amargura, a solidão, o medo, não pensa mesmo! 

Eu quero deixar aqui a minha lembrança, hoje as cinzas da minha mãe foram atiradas ao mar sem que eu tivesse presente, estou falando a sério , sem eu estar presente! Nada deveria ser assim, o facto de entender o ponto de vista de outros não faz de mim uma pessoa sem direito! A dimensão disto é enorme, não preciso escrever muito para você e eu entendermos. 
Não tenho dor nem pena de sempre ter sido tão consciente da família que tenho, da falta de consideração, de amor, e de respeito que existe entre todos. 
Não condeno ninguém pois assim a palavra de Deus me ensina, eles aprenderão através de seus próprios erros e um dia se arrependeram por tudo. 
Hoje não dói nem mais nem menos que ontem, mas dói de maneira conformada, eu posso te dizer meu amigo , que nunca pensei....

Obrigado meu Deus por transformar meu ser , obrigado por teu amor.
Um abraço meu amigo virtual e perdão por minhas cores estarem tão tingidas....

No comments:

Post a Comment