Tuesday, 10 November 2015

O Posto de Combustível - Novembro 2015

Olá!
A minha vida não é feita ou estruturada  em lamentações, tristeza, ou tão pouco desgosto, mas não quer dizer que nunca passei por isso.

Como sabem, já leram nos dois blogs anteriores, passei e continuo a passar por uma situação muito delicada.

Ainda não estou capaz de Fazer as Minhas energias brilharem como antes mas eu vou a caminho, não estou a correr à corrida , mas vou a caminho.

Neste caminho aonde a estrada tem mais buracos que nunca antes, os Meus passos são mais lentos e precisos e eu vou e encontro combustível nas coisas mais simples.

A perda traz dor, falta, saudades, mas também preenche uma parte de nós que antes de perdermos não damos qualquer importância.

O valor das coisas pequenas, simples e puras ou até com uma mistura, coisas que acontecem uma vez e não voltam a ser iguais.

Tenho dor não vou negar mas o combustível em que ela se transforma faz me seguir com mais coragem, gratidão, consciência, equilibrio e livre; por vezes bastante fraca mas sabendo que só eu e mais eu e mais eu e mais eu, Temos a capacidade de superar seja o que for e seguir o caminho que mais  brilhante se torna.

Obrigado Meu Deus por tudo.
Um abraço meu amigo virtual.